terça-feira, 12 de janeiro de 2016

13 por dia

Kylli Sparre


Saber-se infinita,
o que mais posso querer, meu filho?
Saber-se finita,
o que mais posso querer, minha filha?
Saber-se a dona do meu nariz,
saber que ele não foi quebrado,
o que mais posso querer, futuro?

Patricia Porto