segunda-feira, 25 de maio de 2015

"Diário de Viagem para Espantalhos e Andarilhos" por Jussara Marinho



             
                    Patricia Porto, querida amiga, talentosa poeta, seu livro CHEGOU!!! Encantada aqui....mergulhada nesta extraordinária viagem que sua escrita nos proporciona! Você disseca o sentir e o viver com tamanha liberdade e sensibilidade, com um verbo tão inquietante e particular, que a alma se reconhece e agradece, encontrando regaço em cada verso.
            Muita competência e talento ao expor, poeticamente,e com muita verdade, nossas inquietações, angústias e espantos frente ao viver. Seu verso trata desta esgrima com o existir , com uma delicada e profunda excelência. 
                    Você não só merece, como precisa ser lida e declamada por um universo cada vez maior de corações.
                   Sua escrita é claridade para que nos entendamos, e, desse modo, nos permitamos.
                  Seu verbo, Patricia, nos conduz, pela mão, à plenitude do viver, acontecendo entre os vãos da jornada. Então, experienciamos um turbilhão de sensações paradoxais e reveladoras....a liberdade, em todas as suas formas se revela, palpável, tangível, possível...e tudo se torna possibilidade e amplidão.
           Gratidão pela amizade, por mais este livro, inestimável presente. Feliz por este fabuloso encontro que o destino nos permitiu viver. Imensa Recompensa.
"Diário de Viagem para Espantalhos e Andarilhos" é um profundo mergulho nos porões de nossa alma, onde nos reconhecemos em abissais solidões, em variados espelhos. Luz nutriente apontando caminhos de redenções e reescrita de jornadas. Sua pena é vastidão.
               Parabéns por mais este rebento, honrada por ter estado com você, por pouco que seja, em mais esta obra. Que o sucesso seja constância em sua jornada literária. Beijos, querida. E, mais uma vez, muito obrigada.

Jussara Marinho