domingo, 26 de abril de 2015

Infância Terrível

Quando contar a alguém da infância terrível,
antes do abrir de olhos e bocas,
caminhe fúnebre na prancha até resumir as noites quentes de amor
num tópico frasal: "então você é terrível..."
Depois é só deixar morrer lentamente
por meia hora.

Patrícia Porto