quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

O tempo da casa

by Vo Anh Kiet

Havia o tempo do guardado.
Pó virando notícia,
memória de relógio quebrado.
O tempo dentro do maquinário
corroendo as engrenagens,
colocando seus ovos,
fazendo de ninho o inusitado.
Acervo das horas que nascem
entre o ponteiro parado
e a dança silenciosa
que nunca cessa
nem descansa.


Patrícia Porto