quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Aquário


Osiris by Ken Wong


o amor amadurece lentamente
entre muitas distrações

sua natureza é lentidão pacífica,
hora derramada na porta
de entrar,

uma fotografia de outro século,
um espinho guardado na pele,
as pajelanças todas
entre todos os ritos,
rituais, ressonâncias dos dedos
engatinhando no tempo

tem um gosto de figo,
estranhamento de sabor diverso,
e amadurece no escuro, semeando:

se me amas, se me amas
amadureço flores de estação,
vidros de aquário,
chuva ácida

se tua mente me ama,
se tua escolha me ama,
eu me disperso balão
e me arremesso de sopro
ao ar

sem pensar.
sou peixe

e o amor envidraçando
tanta beleza
amadurece


Patrícia Porto