quarta-feira, 5 de novembro de 2014

...



Esse corpo
de amor...
Desintegrado.

Dente de Leão
pego de surpresa - uma caça,
partido em mil pedaços.

Entregues ao vento,
ambos desorientados,
diminuto tormento.

Chorando quietinho
Cada qual, um caminho,
cada qual, sem lugar, um lugar.
Cada um, sem amar.


Felipe Machado