terça-feira, 3 de junho de 2014

Os azuis

(Para Ana Lucia Kaminski)


Todos os dias ela regava os seus azuis

Doses absurdas de azuis
com aqueles olhos de madrugar 

Era tanta opulência de alma
que lhe dava gosto de Ser

Patrícia Porto